Tirar Segunda Via da Carteira de Trabalho

Como emitir a segunda via da CTPS? Se você já passou por todos os trâmites para solicitar a emissão da sua carteira de trabalho, porém perdeu a mesma, não se preocupe. Afinal, acidentes acontecem e as perdas de documentos costumam provocar alguns transtornos, mas nada que não possa ser contornado.

Como solicitar 2ª via da CTPS?

O primeiro passo antes de solicitar a segunda via da carteira de trabalho é que você informe à policia da sua cidade, registrando um boletim de ocorrência informando o motivo da segunda via, que pode ser por perda ou furto.

O segundo passo é fazer o agendamento da carteira de trabalho através do telefone 158, ou pela internet através desse site:

Documentos para tirar segunda via da carteira de trabalho

São necessários alguns documentos para fazer carteira de trabalho, tanto a primeira via quanto a segunda via da CTPS.

  • Comprovante de residência
  • Documento com foto (RG ou CNH)
  • Comprovação de estado civil (certidão de nascimento, casamento ou averbação para casos de divorciado e viúvo)
  • Documento que conste o número da Carteira de Trabalho anterior (termo de rescisão de trabalho, extrato de PIS ou FGTS)
  • Boletim de Ocorrência original

O número da 2ª via da CTPS vai ser diferente da 1ª via?

A segunda via da carteira de trabalho não altera o número, portanto, o documento manterá o número da carteira anterior.


O que pode ser alterado é o número de série, caso você não forneça o número da carteira original, mas nessas situações a Caixa Econômica Federal, pode usar o PIS para identificar o trabalhador.

Prazo para emitir a segunda via da carteira de trabalho

Assim como a emissão da primeira via da carteira de trabalho, a emissão da segunda via é feita na hora. O que pode demorar mais é a coleta dos registros de seus empregos anteriores.

Encontrei a minha carteira de trabalho original, o que fazer?

Em situações de perda, é possível que você encontre a Carteira de Trabalho original depois de um tempo, após já ter emitido a segunda via.

Nesse caso, você pode continuar usando a original, caso não tenha nenhum registro na segunda via. Caso já esteja utilizando a segunda via, mantenha a original guardada, pois futuramente você precisará dos registros dos empregos que estão nela.